Domingo, 30 de abril de 2017
"Deus, em sua sabedoria, faz com que as mais belas rosas nasçam entre espinhos para que não sejam soberbas" (Ap. Sinomar).

Comunhão com Deus: A Prosperidade da Vida

Na época que o povo de Israel estava no deserto, se alguém saía à Tenda da Congregação nada acontecia, mas quando Moisés saía, o Senhor descia e falava com ele. Hoje acontece algo parecido:  muitos ficam de pé nas portas de suas tendas (comodidade) para ver se algum profeta vai aparecer e falar com Deus por eles.

 
O que importa é entrar na presença de Deus e deixar a presença de Deus entrar em nós.
 
Quando entramos na presença de Deus, descobrimos como Deus nos vê: nossas motivações, carnalidades, ansiedades, etc. Isaías, quando se viu, pensou que iria morrer.
 
Enquanto não vemos as coisas como Deus vê, nós iremos nos contentar com o que já alcançamos e não chegaremos à plenitude da presença de Deus.
 
Nunca um povo viu tantos sinais como o povo de Israel, mas bastou 40 dias para que todos se desviassem de Deus. Tiraram suas argolas de ouro das orelhas e elas são o símbolo do nosso sacerdócio diante de Deus. Tiraram tudo e fizeram um bezerro de ouro para adorar.
 
Hoje ouvimos muitas vozes: Muitos dizem: “Estou sentindo isso, estou sentindo aquilo...”. É preciso ter a direção correta de Deus para nossas vidas. Podemos fazer algo que Deus não mandou. Mas se estivermos na presença de Deus ouviremos: “Este é o caminho, andai por ele”. Então como devemos agir?
 
Primeiro Passo: Comunicação Direta Com Deus
 
Deus falava com Moisés face a face. Como Deus deseja isso! – Deus chamou a atenção de Moisés para a sarça ardente (Êx 3:2-3). Deus quer a nossa atenção (ouça, escute).
 
Foi Deus quem sinalizou primeiro. Não houve comunicação enquanto Moisés não parou para ver e ouvir. Deus se utiliza de “n” maneiras para chamar a nossa atenção para Ele.
 
Eu amo os sinais, mas os milagres são para nos chamar a atenção para ouvirmos a Deus e vermos sua glória. Hoje há um grande erro: Queremos os sinais primeiro. E Deus quer primeiro a comunhão. Os sinais não trazem a comunhão, mas a comunhão traz os milagres.
 
Segundo Passo: Deus Tirou o Povo do Egito e Agiu Poderosamente
 
Mar Vermelho representa a libertação. Choveu maná no deserto, que significa provisão. Mas o propósito de Deus não era esse. Deus não estava ansioso para levá-los à Canaã; Deus queria introduzi-los num relacionamento.
 
A primeira coisa que Deus quer conosco é a comunhão. Como perdemos com facilidade a comunhão. Temos uma idéia errada de Deus: Achamos que Ele deve fazer o que pedimos, nos sarar, nos proteger – tudo isso é verdade. Mas temos de aprender a viver para a Sua glória e Seu prazer (Ef 1:4-6,11,12).
 
Em Deuteronômio 5:24-30 vemos a rejeição à voz de Deus: “Não queremos ouvir a voz de Deus, ouça você (Apostolo, Bispo, pastor...) e passe para nós”. O que fazemos hoje? “Senhor, abençoe os nossos pastores para que eles falem conosco”.
 
Deus procura pessoas que queiram ouvi-lo. Deus nos fez sacerdotes (Ap 5:10-11). Queremos um nível inferior?
 
Há um lugar no coração de Deus para cada um de nós, mas temos tirado as argolas de ouro de nossas orelhas (símbolo espiritual do sacerdócio), e temos constituído ídolos no nosso coração. Vivemos estabelecendo mediadores para ouvir de Deus. Exemplo: A Igreja Católica tem milhares de mediadores, e nós? Quantos mediadores temos levantado para falar com Deus por nós?
 
Erramos porque não sabemos qual é a Palavra específica de Deus para cada um de nós. Exemplo de Paulo e o naufrágio: Ele estava tranqüilo porque tinha uma palavra de Deus para ele. Paulo andava na presença de Deus.
 
Freqüentar a igreja, estar num grupo, participar do louvor abençoado, ouvir belas mensagens, tudo é bom, mas e o nosso relacionamento pessoal com Deus, como está? Deus deseja ter comunhão conosco; foi assim com Enoque. Deixa de lado hoje a preguiça, a vaidade, o preconceito e entra na presença do Senhor. Amém?
 
 
 
O Ap. Sinomar Fernandes é fundador e presidente
do Ministério Luz Para os Povos
© 2010 - Todos os direitos reservados Ministério Apostólico Luz para os Povos
www.luzparaospovos.org.br   webdesigner: cristiano souza   sistema: coweb