Terça, 24 de outubro de 2017
"Avaliamos as pessoas pelas suas ações, mas Deus considera as intenções" (Ap. Sinomar).

VENCENDO PELO SANGUE DO CORDEIRO

TEXTO: Ap. 12:11

 OBJETIVO: Conscientizar cada participante que este é um tempo de guerra espiritual, e que a vitória só pode ser alcançada através do sangue do Cordeiro, e da palavra do nosso testemunho.

 CONTEXTO:

• “Sangue” – Sinal de pacto

• Temos que entender o que está acontecendo nas ruas de Curitiba, nas famílias: drogas, sexo, aborto, casamentos destruídos, imoralidades. (satanás trabalha no seio da sociedade usando armas destrutivas: televisão, música etc), e estamos alheios a isso.

• O evangelho precisa ser abraçado, pois os mornos não sobreviverão nesta batalha: e as Igrejas que não entrarem na guerra não irão suportar o tempo do fim (Mt. 20:16).

• Em tempos de guerra, Deus precisa de pessoas fervorosas, homens e mulheres 100% comprometidas com a causa do evangelho (Mt. 11:12)

• No tempo do fim não há lugar para mortos, temos que tomar uma postura radical, dizendo não ao pecado, tendo uma postura de santidade e vigilância o tempo todo.   

• Deus tem falado de famílias sacerdotais; Maridos-Sacerdotes; Esposas-Submissas; Filhos – que honram aos pais. E para isso Deus pede um pacto de consagração e santidade (Vs.11)

• Os que venceram tinham:

• Um pacto com o sangue do Cordeiro

• Palavra de testemunho – Vida de obediência e santidade

• Não amavam suas vidas – Vida de entrega total.

CONCLUSÃO: O inferno treme quando pessoas entram em pacto de santidade. Os anjos só irão se mover quando entrarmos em guerra espiritual. 

© 2010 - Todos os direitos reservados Ministério Apostólico Luz para os Povos
www.luzparaospovos.org.br   webdesigner: cristiano souza   sistema: coweb